Bombas-de-Óleo
Bombas-de-Óleo

Bombas de Óleo

A bomba de óleo é responsáveis pela circulação do fluido lubrificante pelo motor. Ao circular entre as partes móveis do motor, o fluido lubrificante reduz o atrito, minimizando a geração de calor e removendo as impurezas geradas durante o funcionamento do motor.

O que é o sistema de lubrificação?

Trata-se de um sistema cuja responsabilidade e conservar e prolongar a vida das peças móveis do motor, como os pistões, as bronzinas, as buchas, os eixos, as bielas e as engrenagens, além das outras que compõem o sistema de lubrificação, como:

  • cárter de óleo, local em que o líquido fica armazenado;
  • captador de óleo, peça que deve colher o óleo do cárter;
  • filtro de óleo: responsável por filtrar as impurezas do sistema;
  • válvula de alívio de pressão, um mecanismo de segurança;
  • bomba de óleo, peça responsável por sugar o óleo do cárter e o distribuir para o motor.

A Bomba de óleo é composto por corpo, tampa, engrenagens internas, eixos e válvula. Sua função é retirar o óleo do cárter e pressurizá-lo na galeria principal de lubrificação a fim de que seja distribuído para diferentes partes do motor.

A tampa e o corpo são feitos de alumínio injetado sob pressão ou ferro fundido, enquanto as engrenagens são compostas de aço sintetizado. Já a válvula e os eixos são feitos em aço tratado termicamente. Para que seja possível realizar o deslocamento do óleo, a bomba utiliza a rotação de engrenagens ou rotores internos, a qual produzida pelo giro do próprio motor.

Fica a dica

  • Só tire a bomba da embalagem na hora que você for instalá-la, assim evita a entrada de algum tipo de sujeira no seu interior.
  • Coloque óleo na bomba e no filtro antes de instalá-la. Jamais deixe-a funcionando no vazio.

 

Bomba de óleo: como funciona e quais são os cuidados necessários?

http://schadek.com.br/Products#waterpump